17 de jul de 2013

Alimentos Afrodisíacos: Apimente o seu relacionamento

Tags

Alimentos afrodisíaco são alimentos que possuem algum nutriente com propriedades estimulantes sexuais, aumentando o apetite sexual tanto dos homens como das mulheres.

Os alimentos afrodisíacos podem ser adicionados nas refeições habituais e facilmente passam despercebidos, acrescentando além do seu potencial sabor e valor nutritivo às refeições.

Os alimentos afrodisíacos são conhecidos por darem uma apimentada no seu relacionamento. Eles têm essa fama porque aumentam a vasodilatação e favorecem a irrigação em várias partes do corpo, inclusive naquelas onde há maior estímulo sexual.

Além desses efeitos, semelhantes ao de uma relação sexual, os alimentos afrodisíacos também conquistam pelo olfato e pelos hormônios, que ajudam ainda mais a estimular a libido.
Alimentos afrodisíacos

Alguns alimentos considerados afrodisíacos fáceis de encontrar:

  • Amendoim,
  • Catuaba,
  • Gengibre,
  • Guaraná,
  • Ginseng,
  • Ginko biloba,
  • Hortelã,
  • Geléia real,
  • Mel,
  • Ovos de codorna,
  • Alho,
  • Tomilho,
  • Açafrão,
  • Noz-moscada,
  • Pimenta,
  • Aspargos,
  • Morango;
  • Chocolate.
A revista norte-americana Shape listou 23 ingredientes que vão trazer mais sabor à mesa e também à cama.


Leite: o nutricionista norte-americano Kaayla T. Daniel disse que a natureza indicou gordura animal como uma boa maneira de nutrir uma vida sexual saudável e indicou o consumo de leite, margarina e gorduras saturadas para melhorar a produção de hormônios sexuais.

Ostras: ricas em zinco, são consideradas um alimento afrodisíaco, pois estimulam a produção de espermatozoides e melhoram a libido. Podem ser consumidas cruas ou cozidas.

Aspargo: capaz de equilibrar os hormônios naturalmente, ajuda a aumentar a libido e ainda é saboroso

Fígado de boi: pode ser difícil encontrar alguém que goste da iguaria, que é rica em zinco e mantêm ótimos níveis de testosterona no organismo.

Vinho tinto: a Universidade de Florença (Itália) descobriu que mulheres que tomam duas taças de vinho tinto por dia tem a libido maior do que aquelas que optam por outras bebidas.

Ovos: símbolo da fertilidade, este alimento ainda é rico em vitaminas B5 e B6 que ajudam a combater o estresse e balancear os hormônios.

Caviar: assim como o ovo, é rico em vitaminas B5 e B6, que equilibra os níveis hormonais.

Banana: deixe as piadas de lado. Rica em potássio, magnésio, vitaminas do complexo B e a enzima bromeliade, essa fruta ajuda a aumentar a libido masculina.

Linhaça: rica em fitoestrógenos e ligninas, é excelente para equilibrar os níveis hormonais e aumentar a libido.

Batata doce: rica em betacarotenos e vitamina A, ajuda a manter os órgãos sexuais femininos em boa forma e ajuda a produzir hormônios sexuais.

Café: a cafeína serve como um estimulante sexual e duas xícaras antes da relação ajudam a dar um pique a mais para uma noite caliente.

Chocolate: o doce nos faz sentir bem e contêm um estimulante alcaloide similar à cafeína, que dá mais pique e libido e ainda ajuda na produção de serotonina, que melhora o humor e o bem-estar.

Sementes de abóbora: fonte de zinco, melhora os níveis de testosterona no organismo e a libido.

Noz-moscada: um estudo indiano indicou que o extrato de noz-moscada é estimulante de células nervosas e da circulação, ajudando a aumentar o desejo sexual. Adicione ao café e melhore o desempenho sexual.

Trufas: segundo especialistas, o cogumelo tem uma substância similar aos hormônios sexuais de porcos e que pode exercer efeito no corpo masculino também.

Semente de girassol: contêm óleos que fazem bem à saúde, potencializam os níveis de hormônio e a libido.

Peixes: os peixes gordurosos como salmão e atum são ricos em ômega-3 e melhora a circulação, facilitando a libido.

Amendoim: por causa do zinco, melhora a produção e a mobilidade dos espermas. A falta de zinco decai em 30% a fertilidade masculina.

Fava verde: rica em fitoestrógenos, ajuda a manter a saúde sexual em pleno funcionamento.

Carne: rica em zinco, ajuda a melhorar o desempenho sexual, mas deve ser magra e com pouca gordura para não prejudicar a ereção.

Cordeiro: outra carne rica em zinco e que faz parte da dieta Mediterrânea, ajudando a manter as artérias saudáveis e a potência masculina.

Abacate: além de ter forma que lembra o órgão sexual feminino, esta fruta é tica em vitamina B6, potássio e gorduras boas que melhoram a vida sexual.

Aveia: faz parte dos alimentos fitoestrogênicos, que equilibram os níveis hormonais e ajudam a melhorar o desempenho sexual.